Equipe Animal - Pitons

ORDEM: Phytonidae
FAMÍLIA: Boidae
CLASSE: Sauropsida
NOME CIENTÍFICO: Phyton molurus bivittatus
NOME POPULAR: Piton Indiana
DISTRIB. GEOGRÁFICA: Índia, Sri Lanca, Sudoeste Asiático e Indonésia
HÁBITOS: Terrestres, crepusculares e noturnas.



ALIMENTAÇÃO: Alimentam-se de todos os mamíferos que conseguem capturar, desde roedores até felinos. Consomem também aves, lagartos e outros vertebrados.

REPRODUÇÃO: Após a postura, a fêmea mantém-se sobre os ovos com a mesma finalidade das aves, para aquecê-los.

PERÍODO DE VIDA: Podem viver mais de 30 anos.

: Este réptil pode atingir um comprimento, da cabeça à cauda, de 6 metros e pesar cerca de 95 kg, mas geralmente cresce a mais de 5 metros de comprimento e os espécimes menores têm um comprimento de 3 metros.

A phyton tipicamente tem uma cabeça triangular, pequena quando comparada com o comprimento do seu corpo.

Para caçar, as pítons tem um sistema que captura o calor de sua presa (animais de sangue quente), localizada nas mandíbulas.

Tem uma vida útil em cativeiro de cerca de 10 anos, embora tenha havido casos em que atingiram 30 anos.

Sem veneno, matam suas presas por constrição (estrangulamento).

Phytons jovens comem todos os tipos de roedores, pequenos lagartos e filhotes de pássaros. Quando adultos podem alimentar-se de grandes lagartos, crocodilos, pequenos ruminantes (veado), pequenos porcos e macacos, embora seja frequente consumir roedores, especialmente ratos.

Os acasalamentos nesta espécie tendem a se concentrar na primavera e pode ser feito tanto na água como em terra. As fêmeas, após cerca de dois meses depois do acasalamento, colocam aproximadamente 30 ovos, mas depende do tamanho da fêmea (em tamanhos maiores, mais ovos). O conjunto pode ser de até 100 ovos. A incubação dura entre 50 e 90 dias.

São consideradas mães exemplares, passando boa parte do tempo sobre seus ovos para oferecer proteção contra qualquer inimigo. Acredita-se que a fêmea , além de proteger os seus ovos, ajuda a realizar a incubação com os movimentos do corpo macio ao longo do tempo para permitir que a temperatura dos ovos permaneça nos valores apropriados. Com a contração dos músculos do seu corpo gera calor e aumenta a temperatura em torno de ovos a partir de cerca de 5 a 10° C.

Ao nascer, os jovens têm cerca de 55 cm de comprimento. Alcançam a maturidade sexual aos 2 ou 3 anos, em seguida, pesam cerca de 20 kg. Normalmente costumam acasalar aos 5 anos.

São animais terrestres e agressivos. Sobem em árvores com facilidade mas devido ao peso de seu corpo, é dificilmente encontrado em árvores.

É considerada a terceira maior espécie de cobras do mundo.


VISITE NOSSA FAN PAGE e fotos veja as fotos dos eventos!

Log in